Álbuns para Sempre, 101

Existem músicas que permanecem. São mais do que prazeres. São memórias. 

São nossas e dos outros. Como em nenhuma outra arte, a Música é comunhão. Quer por estarmos num concerto, quer porque a ouvimos no conforto de casa.

Todos os fins-de-semana vão poder ouvir um álbum que me marcou. Esta semana é dos Propellarheads e do LP Deacksandrumsandrockandroll. 

Cliquem na imagem para ouvi-lo no Spotify.


Aquaman de James Wan

Chegou às salas o mais novo filme do universo cinematográfico da DC Comics. Depois de ter-se iniciado com Man of Steel, continuou com o mal-fadado Batman v Superman, seguido de Suicide Squad, Mulher-Maravilha e, finalmente, Justice League. Dizer que o calor da recepção destas incursões foi variante é ser eufemístico. O resultado de bilheteira do último foi de tal forma catastrófico que a produtora decidiu refazer a equipa por detrás destes universos de fantasia e arriscar novas abordagens. Aquaman de James Wan é o primeiro esforço nesse sentido. Se queriam afastar-se o mais possível da linguagem obsessiva, negra e deprimente de Zack Snyder a intenção foi conseguida.

Música à Quarta! Wednesday Music!


Neste Blogtodas as quartas-feiras, compilo uma lista de álbuns que ouvi durante a semana e faço um post com ligação ao Spotify  onde podem ouvir o que ouvi. Em baixo podem encontrar a lista. Destaco a bold os álbuns que mais gostei.

Ólhá musiquinha fresquinha! - Cepasa

Todos os Domingos (ou quase todos) deixamos uma pequena sugestão de grupo ou artista de Música. Algo que podem ou não conhecer. Assim, têm com que se entreterem durante a semana.

Esta semana sugerimos a Electronica de Cepasa.

Cliquem na imagem para visitarem a página dele no Spotify.




Álbuns para Sempre, 100

Existem músicas que permanecem. São mais do que prazeres. São memórias. 

São nossas e dos outros. Como em nenhuma outra arte, a Música é comunhão. Quer por estarmos num concerto, quer porque a ouvimos no conforto de casa.

Todos os fins-de-semana vão poder ouvir um álbum que me marcou. Esta semana é dos U2 e do LP Under A Blood Red Sky. 

Cliquem na imagem para ouvi-lo no Spotify.

Uma BD aqui, outra BD ali, 26 - Doomsday Clock 8 e Shazam 1

Há quem diga que os floppies estão a morrer - panfletos, como lhes chama um amigo; comics, como todos os conhecem. Espero que não porque adoro devorá-los! De vez em quando, escrevo umas breves palavras sobre alguns que gostei.  Não são nem melhor nem pior que outras coisas.

Doomsday Clock número 8 de Geoff Johns e Gary Frank (DC Comics)


Já passámos a marca do meio e Doomsday Clock continua a ser uma viagem que tem tudo para agradar a fãs - e não só. O número oito avança de forma significativa a narrativa, ao finalmente introduzir, de forma mais clara, um dos mais importantes intervenientes da mesma (não, não vos vou estragar revelando quem é). Depois do anúncio de que o dia 11 de Junho de 2019 será relevante para esta história e para o universo DC como um todo (provavelmente será publicado o número 11 de DClock), teríamos de, obrigatoriamente, ter avanços no enredo. Geoff Johns afasta-se um pouco do mundo dos Watchmen e entra decididamente no da DC, com o aparecimento de várias das suas mais emblemáticas personagens, despoletando um momento importante de consequências inesperadas. O escritor não só usa essas mesmas personagens como as faz interagir com indivíduos do nosso mundo muito real e importantes no panorama político internacional. Desta forma, atira a narrativa para a esfera do relevante e sério, sem perder um átomo do valor de entretenimento. 

Música à Quarta! Wednesday Music!


Neste Blogtodas as quartas-feiras, compilo uma lista de álbuns que ouvi durante a semana e faço um post com ligação ao Spotify  onde podem ouvir o que ouvi. Em baixo podem encontrar a lista. Destaco a bold os álbuns que mais gostei.

Shoplifters: Uma Família de Pequenos Ladrões de Hirokazu Koreeda

O filme que venceu a desejada Palma D'Ouro de Cannes de 2018 é assustadoramente simples. Shoplifters acompanha uma singular família de pequenos ladrões de loja que procuram sobreviver nas ruas do Japão moderno. Este é um filme dedicado às relações humanas e humanistas. É um elogio ao ser social que somos, não isolados no materialismo do consumo, do ganhar dinheiro, do superficial. Para tal Hirokazu Koreeda escolhe uma família à margem da sociedade, família essa que gira à volta de uma idosa e de uma jovem de cinco anos que é adoptada para o seu seio.

Ólhá musiquinha fresquinha! - The Limiñanas

Todos os Domingos (ou quase todos) deixamos uma pequena sugestão de grupo ou artista de Música. Algo que podem ou não conhecer. Assim, têm com que se entreterem durante a semana.

Esta semana sugerimos o Indie Rock dos The Limiñanas.

Cliquem na imagem para visitarem a página deles no Spotify.


Álbuns para Sempre, 99

Existem músicas que permanecem. São mais do que prazeres. São memórias. 

São nossas e dos outros. Como em nenhuma outra arte, a Música é comunhão. Quer por estarmos num concerto, quer porque a ouvimos no conforto de casa.

Todos os fins-de-semana vão poder ouvir um álbum que me marcou. Esta semana é dos Garbage e do LP Garbage. 

Cliquem na imagem para ouvi-lo no Spotify.